psicoterapia psicologia psicóloga zona norte sp psiquiatria saúde mental mudança de vida desenvolvimento pessoal crescimento pessoal saúde emocional qualidade de vida relacionamento terapia de casal

Quando a mudança é necessária

mudança de vidaUma das coisas mais fantásticas do ser humano é a capacidade cognitiva, a habilidade cerebral de pensar. Mais brilhante ainda é a maneira como nosso cérebro relaciona o que pensamos com o que sentimos. São locais diferentes que fazem isso, é como se tivéssemos o cérebro que pensa e o cérebro que sente. Estou falando isso para você entender um pouco sobre angústia consigo mesmo e mudança de vida.

Quando estamos alinhados entre aquilo que pensamos e sentimos, vivemos a sensação de paz, satisfação e tranquilidade. Quando isso não ocorre vivemos angústias, que surgem do nosso desalinhamento com nós mesmos.

Acredito que a noção verdadeira da morte é uma das principais coisas que precisamos ter na vida, pois ela nos dá capacidade de entender sobre o fim de ciclos. Morte não é apenas quando o corpo físico pára de funcionar, mas qualquer situação que precisa ser finalizada para começar outra. Muitas vezes é o tempo em uma cidade, uma amizade, um namoro, casamento, o tempo em uma empresa, etc. No entanto, muitas vezes as pessoas possuem dificuldade de admitir o fim de um ciclo e tentam ressuscitar uma situação que já morreu. Pode acontecer por não saber lidar com esse luto ou se sentir incapaz de mudar para qualquer coisa diferente daquilo. Vivem cotidianamente a angústia de pensar que ainda pode dar certo, mas no fundo sentem que não há mais nada a fazer a não ser fazer alguma mudança em sua vida.

mudançaO que fazer? Antes de tudo é preciso contar para si mesmo a história certa, sem se enganar, mesmo que seja para o espelho. Fale, conte, explique o que acha de tudo isso. Independente de qualquer coisa que signifique esse fim de ciclo, sem pensar na dor, diga o que pensa absolutamente.

Depois disso temos duas opções: decidir permanecer nessa situação ou parar para pensar o que precisa fazer para sair da angústia e viver melhor. Você pode estar com medo porque mesmo sofrendo, pode achar que é mais seguro porque já conhece o local onde está e prefere isso que a incerteza incegura do que pode estar pela frente. Mas lhe digo, a única certeza que você pode ter é da permanência da situação se ficar onde está.

Se isso estiver acontecendo, pense uma coisa: a média de vida da população brasileira é 74 anos, quantos anos você ainda tem pela frente para viver da mesma maneira?

Anna Luyza Aguiar

Médica Psiquiatra e Life Coach

Deixe uma resposta